Questões Concurso Pedagogia: Avaliação da Aprendizagem, Currículo, Alfabetização, …

Neste post disponibilizamos um simulado em PDF com 10 questões de Conhecimentos Pedagógicos sobre : Avaliação da Aprendizagem, Currículo, Alfabetização, … para você baixar. Clique no link de acesso a seguir. Deixe sugestões nos comentários de mais simulados.

BAIXAR SIMULADO EM PDF

 

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

Questões Concurso Pedagogia: LDB, BNCC, Avaliação, Gestão Democrática e outros

Questões de concurso sobre BNCC, LDB, Gestão Democrática, Avaliação, PPP.

BAIXAR SIMULADO EM PDF!

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

 

Questões retiradas da prova realizada na PREFEITURA MUNICIPAL DE PIRPIRITUBA – PB, ano 2020.

Questão 1
Assunto: Gestão Democrática

A descentralização da educação no Brasil oportunizou a estados e municípios a organização de seus próprios sistemas de ensino, inclusive, incentivando a gestão democrática da escola. Sobre gestão democrática da escola, é CORRETO afirmar:
I- A gestão democrática da escola traz consigo as dimensões administrativa, burocrática, financeira e pedagógica.
II- O exercício da gestão escolar democrática implica na coparticipação daqueles que fazem a escola, sendo que o gestor ou diretor da escola deve ter consigo o controle das ações, projetos e programas que a escola desenvolve.
III- O Conselho Escolar é um órgão colegiado que tem função consultiva na gestão da escola.
IV- As escolas gozam de autonomia pedagógica, administrativa e financeira, tal como prevê a Lei 9394/96.
V- O Conselho Escolar deve ser composto por representantes da comunidade escolar e local, conforme prevê o inciso II do art. 14 da Lei 9394/96.
Em relação à análise das afirmativas acima, É CORRETO o que se afirma apenas em:
a) II, III e IV.
b) I, III e IV.
c) I e V.
d) III, IVe V.
e) I, II e IV.

Questão 2
Assunto: Projeto Político Pedagógico

O projeto político pedagógico é um documento norteador do trabalho na instituição escolar. Sobre projeto político pedagógico marque (V) para as afirmativas verdadeiras e (F) para as falsas:
( ) A participação dos profissionais da educação na elaboração do projeto pedagógico da escola é um dos princípios regidos pela Lei 9394/96.
( ) O processo de elaboração do projeto pedagógico deve contemplar desafios tais quais a qualidade do ensino, a inovação na organização do trabalho pedagógico e sua gestão e, ainda, a manutenção das relações de poder existentes na escola.
( ) A reflexão sobre a função social da escola deve estar presente no projeto político pedagógico, por isso que o contexto social mais amplo deve ser discutido em primeiro plano, em detrimento do contexto local.
( ) Elaborar e executar o projeto pedagógico implica em avaliação externa da própria escola.

A sequência CORRETA de preenchimento dos parênteses é:
a) F, F, F e V.
b) V, V, Ve F.
c) F, V, F e V.
d) V, F, F e F.
e) F, F, Ve V

Questão 3
Assunto: Tendências Pedagógicas

As tendências pedagógicas constituem-se em teorias educacionais que norteiam e influenciam a prática docente, estas pressupõem melhoria na qualidade do ensino que é
disponibilizado ao aluno. Sobre tendências pedagógicas é CORRETO afirmar:
a) Decroly ancora-se em fundamentos psicológicos e sociológicos para desenvolver um modelo tradicional de educação alicerçado no interesse do aluno e na autoavaliação.
b) Comênius declara a necessidade de “ensinar tudo a todos” através da adoção de métodos variados que facilitaria o trabalho do professor e tornaria os conhecimentos mais
acessíveis aos alunos.
c) John Dewey baseia-se nas noções de experiência e de atividade como estratégias para o despertar do interesse e, assim, conectar o indivíduo ao objeto do conhecimento.
d) Paulo Freire é o educador brasileiro mais conhecido no exterior, principalmente considerando a sua experiência na alfabetização de adultos e na educação popular. Paulo Freire pode ser considerado um educador progressivista.
e) Coletividade e trabalho são dois conceitos fundamentais nas pedagogias de Makarenko e de Pavlov

Questão 4
Assunto: Currículo
O termo currículo tem sido significado de diferentes formas, por diferentes estudiosos da área, contudo, ainda que diferentes, os significados trazem consigo a ideia de organização de experiências/situações de aprendizagem/conhecimentos, conteúdos a serem apreendidos. Sobre currículo, marque (V) para as proposições verdadeiras e (F) para as falsas:
( ) Bobbit é um expoente do eficientismo que defende um currículo científico, baseado nos conceitos de eficácia, eficiência e economia. É um modelo explicitamente associado ao conceito de administração escolar.
( ) Para Ralph Tyler, “toda formulação dos objetivos da escola deve ser uma exposição das mudanças que devem operar-se nos alunos”.
( ) Currículo global, metodologia de projetos e currículo transversal podem ser entendidos como propostas de currículo integrado.
( ) O currículo como prática de significação reforça os conceitos de currículo formal, currículo vivido e currículo oculto. O currículo é um texto, seja escrito ou falado, que
direciona o “leitor” ao conteúdo a ser apreendido.
A sequência CORRETA de preenchimento dos parênteses é:
a) V, V, Ve F.
b) V, F, Ve F.
c) F, F, Ve V.
d) F, F, F e V.
e) V, F, F e F.

Questão 5
Assunto: BNCC
A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) apresenta-se como documento de caráter normativo, que define o conjunto orgânico e
progressivo de aprendizagens essenciais a todos os alunos ao longo das etapas e modalidades da Educação Básica, de modo que
assegure seus direitos de aprendizagem e desenvolvimento, em conformidade com o que preceitua o Plano Nacional de Educação
(PNE). Sobre a BNCC, é CORRETO afirmar que:
I- Campos de experiência é a nomenclatura utilizada para denominar a organização curricular da educação infantil e do ensino
fundamental.
II- “Desenvolver o senso estético para reconhecer, fruir e respeitar as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às
mundiais inclusive aquelas pertencentes ao patrimônio cultural da humanidade, bem como participar de práticas diversificadas, individuais e coletivas, da produção artístico-cultural, com respeito à diversidade de saberes, identidades e culturas” é uma das dez competências gerais da educação básica.
III- Por se constituir uma política nacional, a implementação da BNCC requer monitoramento dos entes federados, através dos seguintes órgãos: Conselho Nacional de Educação (CNE), Conselho Nacional de Secretários da Educação (CONSED), União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME) e os Conselhos Estaduais e Municipais de Educação.
IV- Na BNCC, o ensino fundamental está organizado em cinco áreas do conhecimento: Linguagens, Matemática, Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Ensino Religioso. No ensino médio, ela está organizada em quatro áreas do conhecimento: Linguagens e suas tecnologias, Matemática e suas tecnologias, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas e Ciências da Natureza e suas tecnologias.
É CORRETO o que se afirma em:
a) I e IV.
b) IV.
c) I, II e III.
d) II e IV.
e) III e IV

Questão 6
Assunto: PNE
O Plano Nacional de Educação (PNE) foi aprovado pela Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Sua vigência é de 10 anos e apresenta 20 metas, perspectivando a melhoria da educação no Brasil. Sobre o PNE é CORRETO afirmar:
I- Elevar a taxa de alfabetização da população com 15 (quinze) anos ou mais para 93,5% (noventa e três inteiros e cinco décimos por cento) até 2015 e, até o final da vigência deste PNE, erradicar o analfabetismo absoluto e reduzir em 70% (setenta por cento) a taxa
de analfabetismo funcional é uma das metas do PNE.
II- Garantir, em regime de colaboração entre a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, no prazo de 1 (um) ano de vigência deste PNE, política nacional de formação dos profissionais da educação de que tratam os incisos I, II e III do caput do art.
61 da Lei nº 9.394/96, assegurado que todos os professores e as professoras da educação básica possuam formação específica de nível superior, obtida em curso de licenciatura na área de conhecimento em que atuam é a meta 15 do PNE.
III- Assegurar condições, no prazo de 2 (dois) anos, para a efetivação da gestão democrática da educação, associada a critérios técnicos de mérito e políticos de desempenho e à consulta pública à comunidade escolar, no âmbito das escolas públicas,
prevendo recursos e apoio técnico da União para tanto é meta do PNE.
IV- Garantir fontes de financiamento permanentes e sustentáveis para todos os níveis, etapas e modalidades da educação básica, observando-se as políticas de colaboração entre os entes federados, em especial as decorrentes do art. 60 do Ato das Disposições
Constitucionais Transitórias e do§ 1o do art. 75 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que tratam da capacidade de atendimento e do esforço fiscal de cada ente federado, com vistas a atender suas demandas educacionais à luz do padrão de qualidade nacional é uma das estratégias da meta 20 do PNE.
É CORRETO o que se afirma em:
a) II e III.
b) I, II e IV.
c) II, III e IV.
d) II e IV.
e) I, II e III.

Questão 7
Assunto: PDE
O Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) é um conjunto de programas lançado em abril de 2007, visando à melhoria da educação em todas as suas etapas. Sobre o PDE é CORRETO afirmar:
I- O Fundeb incorporou a diferenciação dos coeficientes de remuneração das matrículas não apenas por etapa e modalidade da educação básica, mas também pela extensão
do turno: a escola de tempo integral passa a receber 45% a mais por aluno matriculado.
II- O PDE promoveu alteração no Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), estabelecendo conexões entre avaliação, financiamento e gestão da educação.
III- O Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI) e o Plano Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) são programas integrantes do PDE.
IV- O PDE iniciou com mais de 40 programas e em 2010 contava 130 programas distribuídos em diversas áreas.
É CORRETO o que se afirma apenas em:
a) I, II e IV.
c) I, II e III.
e) III e IV.
b) II, III e IV.
d) I e II.

Questão 8
Assunto: LDB
A Lei 9394, sancionada em 1996, estabelece as diretrizes e bases para a educação nacional. Sobre a LDB 9394/96, marque a alternativa CORRETA:
a) O art. 7º-A prescreve que ao aluno regularmente matriculado em instituição de ensino pública ou privada, de qualquer nível, seja assegurado, no exercício da liberdade de consciência e de crença, o direito de, mediante prévio e motivado requerimento, ausentar-se de prova ou de aula marcada para dia em que, segundo os preceitos de sua religião, seja vedado o exercício de tais atividades, devendo-se-lhe atribuir, a critério da instituição e sem custos para o aluno, a prestação de atividades alternativas.
b) O art. 33 prescreve que a educação básica seja organizada em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, alternância regular de períodos de estudos, grupos seriados, com base na idade, sempre que o interesse do processo de aprendizagem assim o recomendar.
c) Há previsão de que os currículos da educação infantil, do ensino fundamental e do ensino médio tenham base nacional comum, considerando a educação física como componente
curricular obrigatório para todas as etapas da educação.
d) A exibição de filmes de produção nacional constitui componente curricular complementar integrado à proposta pedagógica da escola, sendo a sua exibição obrigatória por, no
mínimo, 2 (duas) horas semanais.
e) A carga horária destinada ao cumprimento da Base Nacional Comum Curricular poderá ser superior a mil e oitocentas horas do total da carga horária do ensino médio, considerando a progressiva expansão do tempo na escola, perspectivando a educação integral.

Questão 9
Assunto: Avaliação
A avaliação Educacional em larga escala é utilizada no Brasil objetivando a melhoria da qualidade da educação, bem como do fluxo escolar. Sobre as avaliações em larga escala no Brasil, é CORRETO afirmar:
I- O SAEB, em 2019, utilizou dois tipos de instrumentos: testes cognitivos contemplando as áreas de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências da Natureza e Ciências Humanas para
todos os estudantes dos anos a serem avaliados; e questionários, impressos e eletrônicos a serem respondidos pelos Alunos, Professores, Diretores, Secretários Estaduais e Municipais de Educação.
II- As provas do SAEB, em 2019, foram censitárias para todos os estudantes do 9º ano de escolas públicas e privadas.
III- Ao aluno com deficiência é garantido o direito a provas em formato específico, à extensão de tempo para responder e à disponibilização de recursos de acessibilidade e de tecnologia assistiva adequados, desde que previamente solicitados e escolhidos.
IV- O Enem tem como principal finalidade a avaliação da instituição escolar e, depois, a avaliação individual do desempenho do participante ao final do ensino médio.
V- As médias de desempenho dos estudantes, apuradas no Saeb, juntamente com as taxas de aprovação, retenção e evasão, apuradas no Censo Escolar, compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).
Está CORRETO o que se afirma apenas em:
a) II, III e IV.
c) I, II, III e V.
e) III e V.
b) I, II e IV.
d) III, IV, e V.

Questão 10
Assunto: Tecnologias da Informação
A sociedade vem passando por muitas mudanças, em grande medida provocadas e potencializadas pelo avanço das tecnologias da informação. Na escola, tais tecnologias também se fazem presentes. Sobre o uso das tecnologias da informação na escola,
assinale a alternativa CORRETA.
a) Armazenamento em nuvem é uma tecnologia que permite o armazenamento de dados, tais quais planos de curso, planos de aula, sequências pedagógicas, textos de diversos gêneros, fotos, gravuras, dentre outros, num computador em sala de aula. Essa tecnologia garante que os dados estejam sempre disponíveis ao professor e aos alunos.
b) Webquest, correio eletrônico, hipertexto e o uso de tablet garantem a efetiva aprendizagem em sala de aula.
c) Reálias e Phillips 66 são exemplos de tecnologias da informação que podem ser utilizadas na escola.
d) São denominados como “nativos digitais” a população nascida após os anos 2010.
e) Compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais (incluindo as escolares) para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva é uma das competências da BNCC.

Gabarito:
1. C
2. D
3. C
4. A
5. E
6. D
7. B
8. A
9. E
10. E

Baixe Agora – 97 questões sobre Conhecimentos Pedagógicos

Baixe e estude para seu concurso de professor. São 97 questões para baixar e estudar gratuitamente. O link das questões está logo abaixo! Bons estudos!

Apostila 97 Questões Gratuitas de Conhecimentos Pedagógicos – BAIXE AQUI!

[button_2 color=”green” align=”center” href=”https://questoesconcursopedagogia.com.br/mais1200questoes/” new_window=”Y”]Material completo para concurso de professores – CLIQUE AQUI E ADQUIRA![/button_2]

 

QUAIS OUTROS MATERIAIS TEM INTERESSE?

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

Curso de Videos aulas para Concursos – CLIQUE AQUI

 

GRÁTIS – Questões sobre Currículo Escolar

Questões sobre currículo escolar para baixar gratuitamente! Se você está estudando para concurso na área da educação então está no lugar certo. Neste post você poderá baixar e imprimir um simulado sobre currículo escolar um tem muito recorrente em provas de concurso professor! Portanto, não perca tempo e baixe o simulado em PDF! Se você quiser passar o mais rápido possível em um concurso tenho um super material completo lhe esperando, CLIQUE AQUI!

Simulado Currículo Escolar – Concurso e Seleções CLIQUE AQUI!

Passe em concurso na área da educação resolvendo mais de 3000 questões – CLIQUE AQUI E ADQUIRA!

Temos um Material para seu Concurso. Imagine um material que ajudou centenas de professores a passar no concursos municipais, estaduais e federais. Muito bem. Conheça esse material clicando abaixo:

CONHECER O MATERIAL QUE TE FARÁ PASSAR NO CONCURSO – CLIQUE AQUI

ESPERE! NÃO CLIQUE NO LINK ACIMA SE VOCÊ PREENCHE UM DOS REQUISITOS ABAIXO:
A) Apenas se inscreveu no concurso por se inscrever.
B) Não acredita que o concurso poderá modificar vida profissional
C) Não gosta de estudar.
D) Acredita que se não passar agora terão outros concursos.
E) Irá fazer a prova de concurso no chute e seja o que Deus quiser.

Bom, se você não tem nenhum pensamento acima poderá clicar no LINK DO MATERIAL – CLIQUE E CONHEÇA.

QUAIS OUTROS MATERIAIS TEM INTERESSE?

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

QUESTÕES PARA CONCURSO – TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS!

01- De acordo com Dermeval Saviani (2007, p.381), “do ponto de vista pedagógico, conclui-se que, se para a pedagogia __________ a questão central é aprender, e para a pedagogia __________, aprender a aprender, para a pedagogia __________ o que importa é aprender a fazer”.

Em sequência, de cima para baixo, as palavras que completam CORRETAMENTE essas lacunas são:

a) Tecnicista, histórico-crítica, nova.
b) Tradicional, nova, tecnicista.
c) Nova, tecnicista, tradicional.
d) Histórico-crítica, tradicional, tecnicista.
e) Tradicional, tecnicista, nova.

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

02-A metodologia da Pedagogia Libertadora envolve toda uma preparação prévia com várias etapas que se referem à coleta e ao tratamento do conteúdo programático. Analise as assertivas, identificando-as com V ou F, conforme sejam verdadeiras ou falsas.

( ) Processo de investigação do conteúdo programático, a partir das condições existenciais em que vivem os indivíduos do grupo com que se vai trabalhar.

( ) Seleção das contradições sociais relevantes ou das situações-limite com que serão elaboradas as codificações.

( ) Tratamento dos dados por especialistas em disciplinas científicas e inclusão de temáticas complementares, destinadas a favorecer uma visão integrada da realidade social, ou seja, da sistematização do conteúdo.

( ) Preparo dos materiais e equipamentos para o trabalho dos animadores culturais – sugestões e critérios.

( ) Propostas de estruturas que possam facilitar o desvelamento dos fatos codificados, em atividades a serem diretamente desenvolvidas nos círculos de cultura.

A sequência CORRETA, de cima para baixo, é:

a) F, F, V, V, F
b) V, F, V, F, V
c) V, V, F, V, V
d) V, V, V, V, V

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

03- Em relação à Tendência Liberal Tecnicista, marque V(verdadeiro) ou F(Falso) e assinale a alternativa correspondente.

( ) A educação, a escola passa a ter seu trabalho fragmentado com o objetivo de produzir os “produtos” sonhados e demandados pela sociedade capitalista e industrial. Tais como: o microensino, o tele-ensino, a instrução programada, entre outras.

( ) É inspirada nas teorias da aprendizagem e da abordagem do ensino de forma sistêmica, constituiu-se numa prática pedagógica fortemente controladora das ações dos alunos.

( ) Incutiu a ideia errada de que aprender não é algo inerente ao ser humano e sim um processo que ocorre apenas a partir de

técnicas específicas e pré-definidas por especialistas

a) V – V – V
b) F – V – V
c) V – F – V
d) V – V – F

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

04- Anísio Teixeira foi o grande pioneiro da Escola Nova no Brasil, um dos primeiros métodos pedagógicos utilizados e que colocava a criança no centro das questões pedagógicas. Tal tendência também leva o nome de:

a) Tecnicista.
b) Renovada Progressista.
c) Liberal.
d) Renovadora não-diretiva.

 

GABARITO
01-B
02-D
03-A
04-D

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

——————————————————–

QUAIS OUTROS MATERIAIS TEM INTERESSE?

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

Curso de Videos aulas para Concursos – CLIQUE AQUI

SIMULADO GRATUITO SOBRE PPP

01- O projeto político pedagógico (PPP) “é um instrumento teórico-metodológico que visa ajudar a enfrentar os desafios do cotidiano da escola”, portanto, sua construção depende:

a) Do empenho do supervisor em conhecer suas etapas para construí-lo, uma vez que o PPP está sob a sua responsabilidade.
b) Do empenho e participação dos diferentes segmentos da comunidade escolar, de forma reflexiva e articulada.
c) Da orientação de um membro externo a escola, tendo em vista que um olhar externo pode contribuir na visão dos problemas cotidianos.
d) Da contribuição dos órgãos oficiais, onde especialistas façam um diagnóstico da escola antes de sua elaboração.
e) Da boa vontade do gestor em aceitar a contribuição dos membros da escola.

02- Leia as afirmativas a seguir:

I. É dever do profissional que atua na Educação Infantil tratar cuidadosamente os usuários dos serviços, aperfeiçoando o processo de comunicação e contato com o público.

II. Reciclar é uma forma de intensificar o lixo depositado no ambiente.

Marque a alternativa CORRETA:

a) As duas afirmativas são verdadeiras.
b) A afirmativa I é verdadeira, e a II é falsa.
c) A afirmativa II é verdadeira, e a I é falsa.
d) As duas afirmativas são falsas.

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

03- Enquanto planejamento participativo, o Projeto Político Pedagógico, além de se configurar num instrumento de intervenção na realidade escolar, também proporciona a organização do espaço escolar. Configuram-se aspectos da construção coletiva do Projeto Pedagógico:

a) Descentralização e autonomia
b) Avaliação e burocratização
c) Contextualização e ludicidade
d) Monitoramento e controle
e) Democratização e integralidade

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

04- De acordo com Veiga (1998, p.11) “o projeto político-pedagógico tem sido objeto de estudos para professores, pesquisadores e instituições educacionais em nível nacional, estadual e municipal, em busca da melhoria da qualidade do ensino”. Nessa direção, analise as alternativas e verifique quais são VERDADEIRAS (V) e quais são FALSAS (F).

( ) A escola, para se desvencilhar da divisão do trabalho, de sua fragmentação e do controle hierárquico, precisa criar condições para gerar uma outra forma de organização do trabalho pedagógico.

( ) A reorganização da escola deverá ser buscada de fora para dentro. O fulcro para a realização dessa tarefa será o empenho individual na construção de um projeto político-pedagógico e isso implica fazer costuras com o existente para mantê-lo.

( ) É preciso entender o projeto político-pedagógico da escola como uma reflexão de seu cotidiano. Para tanto, ela precisa de um tempo razoável de reflexão e ação, para se ter um mínimo necessário à consolidação de sua proposta.

( ) A construção do projeto político-pedagógico requer continuidade das ações, descentralização, democratização do processo de tomada de decisões e instalação de um processo coletivo de avaliação de cunho emancipatório.

( ) Há que se pensar que o movimento de luta e resistência dos educadores é indispensável para ampliar as possibilidades e apressar as mudanças que se fazem necessárias dentro e fora dos muros da escola.

Assinale a opção que contém a sequência CORRETA, de cima para baixo.

a) V– F– V– V– V
b) F– F– V– V– F
c) V– V– V– F– V
d) V– V– F– V– V
e) F– V– V– F– V

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

05- O Projeto Pedagógico é uma ferramenta utilizada pelos docentes, que muitas vezes trazem questões definidas pelo próprio educador para sua construção que podem não ser um problema para o aluno, por isso muitas vezes é interessante permitir que os alunos definam os temas, que formulem problemas e coloquem o pensamento em funcionamento pela necessidade de entendê-lo melhor e alcançar soluções.

Nesse sentido, o Projeto Pedagógico é composto por alguns itens importantes de estrutura, são itens que compõe a estrutura de um Projeto Pedagógico, EXCETO:

a) Um Projeto Pedagógico deve contar com objetivos, que se traduzem nas necessidades que se quer alcançar.
b) Um Projeto Pedagógico deve contar com a justificativa, que se traduz nos “por quês” de fazer o projeto.
c) Um Projeto Pedagógico deve contar com estratégias, que se traduzem no como fazer com que o projeto seja implementado.
d) Um Projeto Pedagógico deve contar com esclarecimentos e detalhamento legal, que se traduzem nas explicações que devem ser dadas ao Ministério de Educação.

GABARITO
01-B
02-B
03-A
04-A
05-D

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

——————————————————–

QUAIS OUTROS MATERIAIS TEM INTERESSE?

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

Curso de Videos aulas para Concursos – CLIQUE AQUI

Como Passar em Concurso para Professor

Como Passar em Concurso para Professor

Saiba escolher

  1. NÚMERO DE VAGAS: Ao contrário do que muita gente pensa, quanto menos vagas existirem para uma categoria, melhor. Isso acontece porque a maioria dos concorrentes prefere disputas “mais fáceis”, para cargos com muitas vagas. O resultado é justamente o inverso: Quanto mais vagas, maior a procura
  2. CONCORRÊNCIA: Já o grande número de candidatos à vaga é desestimulante, pois aumenta a probabilidade de existirem concorrentes mais bem preparados. Também é interessante verificar a relação de “Número de vagas X Concorrentes”, para analisar proporcionalmente o que significa aquele número de candidatos. Processos seletivos pouco divulgados e de órgaos pouco conhecidos também tendem a ter baixa concorrência
  3. EXIGÊNCIAS: A tendência é o aumento do nível de exigência para as classificações. Por outro lado, o crescimento da concorrência no mercado de trabalho e a escassez de vagas disponíveis, fazem com que os seletores possam escolher mais rigorosamente entre a mão-de-obra disponível. Noções de Informática e inglês, por exemplo, devem se tornar comum. Assim, é frustrante tentar um concurso que exige muito além da sua capacidade (como acontece em concursos da área de fiscalização, jurídica, seleções para embaixador e em algumas provas para cursos internacionais). Para diminuir esse problema, é interessante manter-se atualizado, estudando constantemente, e com bastante antecedência da data das provas. Esse princípio também vale para os exames que aferem a capacidade prática ou física do candidato. Não adiante entrar numa seleção para a qual você não tem condições de passar nos testes de aptidão no computador ou nos 100m rasos, por exemplo. O nível de escolaridade exigido determina fortemente o grau da concorrência que se vai ter. Entrar em seleções que exijam apenas o segundo grau, quando já se ganhou toda a experiência de um curso universitário pode fazer a diferença do candidato
  4. BENEFÍCIOS: Os benefícios de uma função agregam valor real ao salário. Em muitos casos, superando até o próprio salário base. Para tal, deve-se somar o valor dos tickets alimentação, parcela do plano de saúde paga pela empresa, cesta básica, ajuda de custo, ajuda de transporte, gratificações e adicionais. Mas, atenção: é importante saber se os benefícios serão incorporados à remuneração em caso de licenças e aposentadoria. Caso contrário, o salário, quando inativo, não justificará todos os anos dedicados àquele trabalho. O salário indireto também pode ser perdido a qualquer momento. A forma de aposentaria é um forte diferencial. Quando a empresa oferece complemento ou equiparação salarial do aposentado em relação ao ativo, é o ideal. Recolher FGTS pode diminuir os rendimentos mensais, mas são uma poupança forçada para necessidades futuras. A maior ou menor estabilidade (risco de perder o emprego) e a ajuda educacional (em cursos e reciclagens profissionais) devem tamém ser considerados como benefícios
  5. CARGA HORÁRIA : Mesmo que a tendência seja a redução cada vez mais das horas trabalhadas, a carga horária semanal não é um benefício considerável, ainda mais as demais vantagens não forem supridas. Em outras palavras, não devemos ir atrás de trabalhar pouco, em detrimento de outras vantagens
  6. VOLUME DE TRABALHO : Semelhantemente à carga horária, o volume de trabalho só deve ser considerado se excessivo ou estressante. Mas, não tenha medo de trabalhar muito. Geralmente, a melhor remuneração está associada a uma maior responsabilidade
  7. NATUREZA DO CARGO : Cada pessoa possui um perfil e aspirações individuais. Trabalhar ou estudar por muito tempo, em alguma coisa para a qual não se tenha a menor vocação, pode ser martirizante. Portanto, nem só salário e vantagens são importantes no cargo pretendido
  8. OBJETIVO DA EMPRESA : Como faremos parte do mesmo barco, quando ingressarmos na carreira, é interessante pesquisar a solidez da organização e o futuro do próprio produto que ela produz, para evitar tomar a canoa errada
  9. EXIGÊNCIAS DE CURRÍCULO : As exigências de cursos e treinamento que as empresas fazem nem sempre excluem um candidato que não se enquadre 100% nas especificações. Dependendo do rigor da seleção, das intenções da empresa e até do nível dos outros candidatos, esses critérios podem ser mais ou menos flexíveis. Ou seja, não ter determinado curso não significa que o candidato está fora da concorrência. Algumas contratações demoram tanto tempo para serem efetuadas que o candidato tem condições de fazer o curso mesmo após ter prestado o concurso

ANÁLISE DO EDITAL

Uma etapa muitas vezes menosprezada pelo concorrente é a análise do edital de Seleção. Ele não só define a taxa de inscrição e datas dos testes, como estabelece todas as regras do jogo. Portanto, é interessante ler com muita atenção o edital, para saber:

  1. PONDERAÇÃO : Qual o peso de cada matéria. A ponderação das notas das provas define quais as matérias que se deve estudar mais. Podemos até escolher o cargo, ou curso, para o qual concorrer pelo que mais valoriza as matérias onde se é mais forte. Na ponderação, também ficamos sabendo qual a prova que teremos de fazer com maior atenção. Em algumas seleções, são pontuado o currículo (cursos), experiência na área (tempo de serviço), feitos testes práticos e de resistência física
  2. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO : A fórmula pela qual será computada as notas, complementa a noção que se precisa ter sobre o que é mais importante para os avaliadores. A fórmula geralmente valoriza determinadas matérias, comparando o número de questões acertadas com aquelas incorretas. Sempre, quanto mais se acerta e menos se erra, melhor. O programa do que é exigido em cada matéria deve ser considerado à risca
  3. CRITÉRIOS DE DESEMPATE : No edital, também ficamos conhecendo quais serão os pontos fortes quando atingirmos uma nota igual a de outros candidatos. Normalmente, os critérios de desempate valorizam as pessoas de maior idade e que obtiveram maior nota nas provas de conhecimentos específicos. Assim, os candidatos de idade avançada podem até levar vantagem. Os deficientes físicos já saem ganhando nesse item, pois são sempre reservadas vagas exclusivamente para eles
  4. CRITÉRIOS DE DESCLASSIFICAÇÃO : Atenção para os procedimentos que podem desclassificar sumariamente o candidato, como utilizar calculadoras, portar livros na hora da prova e, principalmente, atingir o ponto de corte.

PREPARAÇÃO

A Preparação para o concurso é muitas vezes completamente desconsiderada:

  1. MATERIAL DIDÁTICO : Deve-se reunir os apostilas e livros necessários para cumprir todo o programa exigido. A falta de investimento nesta fase é fatal. Se você compra exatamente a mesma apostila que a maioria dos concorrentes comprou, não estará aumentando em nada suas chances de passar na frentes deles. Estudar sem o material didático necessário para passar é insuficiente. Dê preferência a livros e boas apostilas especializadas no assunto. Se possível, conseguir cadernos de exercícios é muito útil. Preferencialmente, contendo provas dos concursos anteriores. Mesmo que os teste mudem de ano para ano, ao menos tem-se uma idéia do formato adotado nas perguntas
  2. CURSOS : Um bom curso preparatório é importante, principalmente para as matérias de conhecimentos específicos ou técnicas, que não sejam dominadas suficientemente. O curso é mais um recurso para se superar os demais candidatos, servindo também para disciplinar o estudo. Mas, atenção: fazer um curso apenas não garantirá sua vaga – é indispensável estudar
  3. ESTUDO : Por mais que se conheça um assunto, deve-se sempre relembrar o que se sabe. Fazer um concurso sem estudar, é um total desperdício. Deve-se procurar tempo (até no horário do almoço), para se preparar o melhor possível. Serão alguns meses de sacrifício, mas as recompensas poderão ser para o restante da vida… E, tempo é uma questão de prioridade (interesse) – acabar um namoro por falta de tempo é apenas uma desculpa, quando não gostamos realmente da pessoa. Quem ama, sempre arrumará tempo para a pessoa amada. Mesmo antes da publicação do edital, pode-se comparar o que estão exigindo os concursos similares, e ir se atualizando naquela matéria. Saber a instituição que elaborará os testes é indispensável. Cada uma possui um “estilo” e grau de exigência próprios, que podem nortear os esforços de estudo. Mas, é essencial “saber estudar”. Um estudo proveitoso é aquele feito:

Em um horário específico

Com ambiente propício

Com todas as necessidades básicas supridas (sono, alimentação, descanso e preocupações)

Seguindo o roteiro de: “Entendimento”, “Resumo”, “Exercícios” e “Fixação” (não adianta entender todo o assunto, sem fazer uma síntese do que se aprendeu, praticando e decorando o que precisa ser decorado). Sem seguir todos esses passos, o candidato corre o risco de, na hora da prova, se saber a matéria, mas não se lembrar da regra; ou recordar a regra, mas não saber aplicá-la. Fazer o maior número possível de exercícios, preferencialmente resolvendo questões de concursos anteriores é muito importante

Faça os testes cronometrando o tempo, para aprimorar sua rapidez de resolução

DIA DA PROVA

  1. LOCAL : Visite com antecedência o local aonde os teste serão realizados. Muitas pessoas se perdem ou vão para locais errados, atrasando-se ou até não conseguindo realizar a prova. Trace minuciosamente o roteiro que vai seguir de casa até o local de testes, para evitar atropelos
  2. HORÁRIO : Outra questão onde seu nervosismo pode lhe trair é quanto ao horário da prova. Sempre saia com antecedência de casa, para estar cedo no local dos testes. Os horários de máximo de chegada e de fechamento dos portões devem ser observados. Assim como, a hora de encerramento. Todos constantes no edital. Como a tendência é exigir muito em pouco espaço de tempo, não se desligue do tempo, mas faça as provas com atenção
  3. ALIMENTAÇÃO : Evite comer demais, ou mal, antes da prova, para não sofrer congestões ou disenterias. Também não faça a prova com fome. Algumas pessoas se precavém levando lanches e água mineral, para evitar imprevistos na hora do teste
  4. MATERIAL : Confira o que é necessário levar para a prova, antes de sair de casa. Tanto os documentos e canetas, exigidos no edital, como os objetos de sua necessidade, como guarda-chuva e relógio (para cronometrar o tempo da prova) – de preferência o mesmo que utilizou para os exercícios *Caso o edital não permita telefones celulares, bips, etc, é importante atentar para não ser desclassificado

NA HORA DA PROVA

  1. TEMPO: Controle o tempo de resolução da prova, de acordo com o tempo total disponível e o grau de dificuldade encontrado nas questões: Resolva primeiramente (dedicando mais tempo) a prova com mais peso para a pontuação final. Em cada prova, deixe as questões mais difíceis para o final. Não se esqueça de considerar o tempo para, ao final, fazer a revisão geral das respostas, preenchimento da folha de respostas e revisão desse preenchimento
  2. REVISÃO : Alguns pontos podem ser “salvos” na última hora, justamente na revisão, ao final da resolução de todas as questões. Confrontando o que foi solicitado com o sua resposta, para evitar o erro muito comum) de marcar a questão correta, quando o que se pedia era a incorreta
  3. FOLHA DE RESPOSTAS : Também é frustrante preencher incorretamente a folha de respostas ou deixar de passar para ela uma questão que se sabia a resposta correta A idéia é conseguir uma boa colocação. O período de validade do concurso e a prorrogação desse prazo, o remanejamento de candidatos, o aparecimento de novas vagas, desistências ou desclassificação de concorrentes, com o tempo, serão os fatores de “sorte” que se encarregarão de reclassificar o candidato.

 

Simulados Online de Conhecimentos Pedagógicos – Concurso para Educação

Treine seus conhecimentos pedagógicos para estar preparado(a) no dia da prova!

Inicie seus estudos!

Simulado Online Teóricos da Educação – Iniciar 

Simulado Online Projeto Político Pedagógico – Iniciar 

Simulado Online Educação a Distância – Iniciar

RESOLVER QUESTÕES para PASSAR NO Concurso. Clique e conheça – CLIQUE AQUI.

Simulado Online Conhecimentos Pedagógicos – ACESSE

Simulado Online Avaliação da aprendizagem – ACESSE

Simulado Online Educação Infantil – ACESSE

Simulado Online Planejamento Escolar – ACESSE

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

——————————————————–

QUAIS OUTROS MATERIAIS TEM INTERESSE?

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

Curso de Videos aulas para Concursos – CLIQUE AQUI

Simulado Online Tendências Pedagógicas

 10%

Pergunta 1 de 10

1. (Ano: 2013Banca: CESPE) É objetivo dos processos de avaliação
A.
B.
C.
D.
E.

Pergunta 1 de 10

Pergunta 2 de 10

2. (Ano: 2015/Banca: FUNIVERSA) São exemplos de tendências pedagógicas progressistas
A.
B.
C.
D.
E.

Pergunta 2 de 10

Pergunta 3 de 10

3. (Ano: 2014/Banca: FEPESE) As tendências pedagógicas brasileiras foram muito influenciadas pelo momento cultural e político da sociedade, pois foram levadas à luz graças aos movimentos sociais e filosóficos. Essas formaram a prática pedagógica do país. Pesquisadores do campo educacional apresentam reflexões a respeito das tendências pedagógicas e mostram que as principais tendências pedagógicas, usadas na educação brasileira, se dividem em duas grandes linhas de pensamento pedagógico. Elas são:
A.
B.
C.
D.
E.

Pergunta 3 de 10

Pergunta 4 de 10

4. (Ano: 2011/Banca: CESPE) Em relação às tendências pedagógicas, assinale a opção correta.
A.
B.
C.
D.

Pergunta 4 de 10

Pergunta 5 de 10

5. (Ano: 2010/Banca: IPAD) Considerando as tendências pedagógicas, é correto afirmar:
A.
B.
C.
D.
E.

Pergunta 5 de 10

Pergunta 6 de 10

6. (Ano: 2014/Banca: FADESP) São consideradas tendências pedagógicas liberais:
A.
B.
C.
D.

Pergunta 6 de 10

Pergunta 7 de 10

7. (Ano: 2016/Banca: IDHTEC) No contexto das tendências pedagógicas a perspectiva tecnicista concebe a aprendizagem como:
A.
B.
C.
D.
E.

Pergunta 7 de 10

Pergunta 8 de 10

8. (Ano: 2017/Banca: Alternative Concursos) Em relação as tendências pedagógicas na prática escolar assinale a alternativa que apresenta somente tendências pedagógicas progressistas:
A.
B.
C.
D.
E.

Pergunta 8 de 10

Pergunta 9 de 10

9. (Ano: 2015/Banca: CONSULPLAN) NÃO é uma característica correspondente às tendências pedagógicas:
A.
B.
C.
D.

Pergunta 9 de 10

Pergunta 10 de 10

10. (Ano: 2014/Banca: FADESP) Utilizando como critério a posição que adotam em relação aos condicionantes da escola, as tendências pedagógicas foram classificadas em liberais e progressistas
A.
B.
C.
D.

Pergunta 10 de 10


 

Curso Gratuito em Vídeo: LDB atualizada para Concursos e Seleções

Olá, tudo bem? Foi lançado no blog Questões Concurso Pedagogia um curso gratuito da LDB atualizada com as últimas alterações. Estão presentes no curso os principais artigos para quem irá fazer seleções e concursos para educação infantil, séries iniciais, séries, finais, ensino médio, ensino superior, EJA e outros. Portanto, acesse o link abaixo e bons estudos.

INICIAR O CURSO – CLIQUE AQUI

 

Material Completo para Concurso Professor. Clique e conheça.

——————————————————–

QUAIS OUTROS MATERIAIS TEM INTERESSE?

Materiais para concursos de diversas áreas como Educação Física, Matemática e outros – CLIQUE AQUI

Cursos Online Gratuitos (COM CERTIFICADO) – CLIQUE AQUI

Materiais de Matemática para Sala de Aula – CLIQUE AQUI

Curso de Videos aulas para Concursos – CLIQUE AQUI

 

Assim, com os materiais acima terá uma boa preparação. Quanto mais resolver questões melhor será sua preparação porque é isso que os editais precisam: candidatos preparados. Como resultado adquirirá mais conhecimentos ao estudar para sua vida profissional.